quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Organizações estudantis. Valeu a pena?


Na faculdade participei de algumas organizações estudantis e por várias vezes, frente à falta de dormir, interação social, estudos as pessoas me perguntaram:
- Valeu a pena?
E eu sempre respondi:
- Com certeza valeu! Mas por diferentes motivos.

Uma vez disse em uma entrevista de emprego:
- Aprendi competências que me posicionam melhor no mercado de trabalho. Sei executar, liderar, tenho visão sistêmica e forte senso crítico. Tenho confiança de que as ferramentas que tiver que aprender, vou conseguir, porque nas organizações estudantis aprendi a “me virar” e “fazer acontecer”.

Quando um professor me perguntou, depois que disse que tinha atrasado porque estava em reunião:
- Certamente todo o tempo que “deixei” de estudar (apesar de ter deixado de estudar para não abdicar de tempo pessoal e não para trabalhar) valeu muito a pena. Não só me qualifiquei para o mercado de trabalho, mas também aprimorei minhas competências de leitura, escrita e gestão do tempo, o que me tornou melhor aluno e pesquisador.

Um outro dia, em um bar com amigos, surgiu a pergunta outra vez. Valeu a pena?
- Todos aqueles momentos em que recusei sair com vocês me ensinaram que eu tinha que balancear a minha vida e saber que, apesar dos estudos e carreira serem importantes, os amigos são muito mais. São eles que vão te ajudar quando o resto estiver dando errado e que vão acompanhar sua trajetória de sucesso, afinal, a felicidade só é real se for compartilhada.

Por fim, meus pais perguntaram esses dias se tinha valido a pena me engajar tanto nas atividades extracurriculares em organizações estudantis, em vez de priorizar estudos ou até mesmo um estágio mais cedo:
 - Valeu cada minuto. Hoje sou melhor profissional, estudante e amigo, mas acima de tudo, cidadão. Com certeza é muito importante desenvolver suas competências, mas o caráter e a cidadania são coisas que, como um diamante, são moldados pelas intempéries da vida.

Além de tudo, aprendi a estudar, trabalhar, dormir e ficar com amigos.


Com certeza hoje sou Jedi! (Ok, nem tanto...)


Esse post é uma homenagem a todas as organizações estudantis que existem na FCA. Seu papel é fundamental e vocês exercem uma função crucial para a formação de jovens que realmente vão mudar o Brasil. É disso que precisamos. Não esqueçam dessa responsabilidade.

Muito obrigado a todas as pessoas que fizeram e fazem parte desse processo.
Vocês são fodas!

Abraços,
Lucas Hoogerbrugge

PS:. Se você não faz parte de nenhuma organização estudantil, não se preocupe, existe muito espaço para fazer mudança sem participar de uma, é só por a mão na massa. Empreendedorismo é questão do que você faz de mudança positiva!




Um comentário:

  1. Muito bacana esse artigo Lucas! É animador ouvir de uma pessoa que já está perto da "linha da chegada" para aqueles que ainda estão correndo ou ainda não começaram a corrida!

    ResponderExcluir

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Best Web Hosting Coupons